quinta-feira, 28 de março de 2013

Rain


Dias em que as gotas caem grossas e sonoras no chão, são aqueles em que nos enclausuramos entre paredes.
Algures no frio silêncio do cimento, o relógio marca o compasso mecânico que impede a fuga para o sonho.
Sem escolha, o animal resignado aceita o penoso labor e entrega-se ao confortável abraço do assento.
A manta aquece o corpo. A bebida aquece o espírito. O livro aquece a alma.


Fox

segunda-feira, 25 de março de 2013

Hot woman



O que define uma mulher fogosa?
Como se podem reconhecer?
Onde se encontra uma?

As portuguesas são mulheres fantásticas, mas nem pensar que são todas fogosas...
Já por si o tema é tabu, se alguém se queixar ainda piora mais a conversa. Deve ser essa a ideia geral que se tem nesta matéria. Pois sempre será melhor ter algum sexo do que nenhum... 

No entanto é notório de que se trata de um daqueles tópicos em que todos pensam que dominam a jogada, como prodígios naturais, mas a realidade será algo bem diferente. Muitos anos de experiência não são sinónimo de sabedoria ou habilidade.

No meu humilde entendimento, é um daqueles assuntos que requer uma predisposição natural, algum estudo e muita prática. Tarefa árdua, quando se trata de um assunto tabu de que todos fogem de falar por complexos com os dogmas da sociedade. No entanto, com vontade e curiosidade todos podem evoluir e melhorar as suas capacidades, dando e recebendo mais.

Sempre tentei no meu caso ampliar os meus parcos conhecimentos e habilidades. Todos podemos melhorar, um pouco de leitura e instrução não faz mal nenhum. Antes pelo contrário, a relação só poderá sair beneficiada com a intenção. Seja muita ou pouca, a experiência que vou granjeando ao longo dos anos, posso dizer que ainda não fui surpreendido a este ponto e ainda aguardo o encontro com "a fera"... 

Talvez um dia. Talvez nunca. Vamos indo e vendo...


Fox

sexta-feira, 22 de março de 2013

Fire

Alguns dias são de fogo.
Ou
Seremos nós a acordar em fogo.

Aquele despertar é semelhante a qualquer outro mas algo se revela distinto em nós. Uma vontade animal que domina, controla e deseja. Urge avassaladoramente a necessidade de sentir a pele, comandar o toque e possuir o corpo. Perder-se nas garras do desejo com o calor corporal a aumentar como uma febre de loucura.

Sentir e ser sentido
Tocar e ser tocado
Beijar e ser beijado

Desperdiçados serão estes dias, quando não se pode entregar corpo e alma aos prazeres do desejo. Apenas de vontade e intenção, não se sacia nem corpo nem alma, somente a imaginação.


Fox

terça-feira, 19 de março de 2013

Change

Mudou
Mudei
A situação
Eu

Por vezes leva imenso tempo até que ocorram mudanças susceptíveis de reparo, por outras, é tão rápido que antes de as notarmos já somos avisados por terceiros.

Esses conseguem ver em mim coisas que não vejo, nem noto por minha iniciativa, mesmo quando as tento procurar. Talvez lhes dê razão e aceite a presença de uma mudança. Direi ser uma evolução, aceitando que se trata de uma melhoria que a vida originou em mim.

Tal como um protótipo, que de evolução em evolução, apenas melhora. Também eu assim serei, para um dia chegar ao meu apogeu desta vida, e quem sabe, talvez vir a ser algo digno de nota.


Fox

sexta-feira, 15 de março de 2013

Five topics

Como não sou especialista nesta área gosto de me informar acerca do assunto sempre que posso. Ou quando tenho alguma capacidade intelectual para ser completamente fulminada a tentar entender...

Acho este video excelente. É muito divertido ao mesmo tempo que explica um ponto de vista que poderá estar bem elucidativo.
Percam apenas dez minutos do vosso tempo, confio que irão apreciar.



1- Sintonia
2- Admiração
3- Respeito
4- Putaria
5- Humildade

Só pela lista de tópicos já vale a pena verem... Fico a aguardar as vossas opiniões.


Fox

quarta-feira, 13 de março de 2013

Japan(ese)



É um local de sonho para mim.

Adoro países com história, a do Japão é antiga e muito profunda.

Povo de honra, cultura, princípios.

Algo em todo aquele ambiente mais feudal que o Japão ainda consegue deter, me atrai tremendamente.Será algo que nunca conseguirei explicar, nem mesmo a mim. Quem sabe não terei por lá passado noutra encarnação...

Por coincidência nos últimos tempos tenho encontrado muitas japonesas de visita ao nosso país. Fico grudado com algumas. Por causa do país de origem, claro...

Pensei que na impossibilidade de no entretanto visitar o país, adorava deliciar-me numa comunicação interpessoal como uma japonesa. Só assim a título de experiência cultural...


Fox

domingo, 10 de março de 2013

Ten


O mundo gira e gira e volta a girar, nunca sabemos onde iremos parar ou o que irá acontecer.

Uma simples saída com os rapazes termina com um flashback de dez anos.

Pois é. Momento forte.

Já na saída do bar esbarramos com um "antigo" amigo que deixei para trás quando decidi viver para uma mulher. Dez longos anos de distância. Uma década. Muito se alterou, aspectos físicos de mudança pesam sobre todos nós, a inversão em relações também existe, ele casado, nós solteiros... O que não existe é o ressentimento pelo afastamento. Da minha parte existia vergonha pelo meu acto, pensava que do dele haveria mágoa, mas não. Fiquei parvo. Ainda existem pessoas de boa índole neste mundo.

Até a esposa disse:

"Sentimos saudades de alguns dos nossos momentos juntos."

Fiquei atónito, não esperava. Mas era tarde e nós já estávamos de saída, não havia muito tempo disponível, no entanto expliquei sumariamente as minhas razões e ficou prometido uma futura saída para colocar as vivências destes anos em dia.


Fox

quinta-feira, 7 de março de 2013

Crisis


A crise deixa mossa e não é apenas no campo financeiro.

O dinheiro não estica e muito fica por ser comprado, mas mesmo o que não tem preço não é "adquirido"... Os sinais dão a entender que o departamento emocional também é atingido mas o curioso é que não preocupa muito.

Ponto de situação: Eu e os rapazes estamos solteiros. Estamos bem. Muito bem, aliás.
Constatamos isso todas as semanas. Considerando as situações que conhecemos, estamos muito melhor, andamos descansados, sem discussões, sem controlo, sem gastos supérfluos.

Isto porque segundo dogmas sociais já éramos senhores para estar casados, com empréstimo de uma casa xxl, empréstimo da mono-volume xxl, e com um bando de filhos atrás. Bahhhh, nada disso.

Solteiros. Charmosos. Despreocupados.


Fox

domingo, 3 de março de 2013

Cold white II



A chegada feita já de noite ao vale, trouxe dois corpos moídos e exaustos de uma longa viagem de avião. Agora caminhavam pela fofa neve de mãos enluvadas, juntas no contato possível, a dois corpos cheios de roupa que os escude destas temperaturas negativas. Dentro do carapuço dela quase apenas os olhos se notam, mas brilham como os pontos de luz mais belos que no estrelado céu desta noite se fazem notar. Ele está feliz. Ela está mais. 

Entram na cabana com o desejo de encontrar menos frio mas a diferença pouca será, ele avança direito à lareira de pedra negra pela fuligem. É homem, portanto estas lides fazem-lhe parte da genética. Apenas quando se encontra a meio do processo, se apercebe que não está a ter muito resultado na intenção. É um jovem da cidade, nunca acendeu uma fogueira na vida. Olha para ela com cara atrapalhada, ela responde-lhe com um sorriso aberto e olhar brilhante como água cristalina. Ele volta à árdua tarefa com redobrada energia e ânimo, até por fim lá conseguir criar o que há muito os seus antepassados descobriram com muito menos iq. 

Ela avança até ele e deposita-lhe um ternurento beijo nos lábios, mero agradecimento pelo esforço. Que bem lhe sabe ter alguém que se esforce pelo bem-estar dela. Não tem sido assim nos últimos anos. Tempo em demasia, que mais cedo ou mais tarde fazem mossa e não são os presentes caros que a fazem esquecer. 

Mas as tristezas não apagam dividas nem o cansaço do corpo. Não chegaram a esperar que a pequena cabana aquecesse, deitaram-se vestidos na rustica cama de madeira e cobriram-se com todas aquelas bafientas peles na esperança de afastar a fadiga do corpo. Um último beijo quente trocado entre bocas sedentas, antes de se enroscar com o braço protetor dele sobre si. De olhos fechados e sorriso nos lábios, assim se entregou ao sonho.


Fox

sexta-feira, 1 de março de 2013

Delete



Estava convicto que havia sido implacável naquele momento de raiva.

Pensei que tinha destruído tudo o que existia.

Afinal até eu me engano.

Resistiu um vídeo escondido algures durante três anos.

É um choque voltar a ouvir aquela voz e rever aquela face.

Choraria uma lágrima se alguma tivesse restado em mim.


Fox