quinta-feira, 4 de abril de 2013

Gentleman

Como pode a personalidade feminina evoluir nestas ultimas gerações de modo tão profundo e continuar a desejar que sejamos o que outrora fomos?

Quando a casta dá lugar à fera, não se pode esperar que o cavalheiro permaneça imutável. Pode passar por uma metamorfose menos evidente mas será tão verdadeira quanto a outra.

Prevalece assim a necessidade de adaptar as duas novas naturezas na melhor simbiose possível, para que o choque entre ambas não se revele catastrófico.

Pois não é necessário muito, para desencadear o colapso entre o que desde o inicio não aparenta ter sido criado para atingir o entendimento.


Fox

6 comentários:

  1. O ser humano é demasiado complexo, o que torna possível abarcar toda e qualquer característica. O cavalheiro, o animal, o louco, o poeta... apenas basta encontrar o espaço ideal para os despertar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O pensamento não seria bem por essa linha.

      Eliminar
    2. Já reli umas quantas vezes e tiro sempre a mesma conclusão. Se calhar a minha loirice tomou posse dos meus pensamentos.
      Pelo que percebi, tu pensas que não existe entendimento possível entre um cavalheiro e uma fera? Que é preciso haver adaptação de ambos porque a sua simbiose na sua forma natural não é exequível?

      Eliminar
    3. Não, a ideia principal do texto não é essa. Deduz-se essencialmente logo no início do texto.

      Eliminar