domingo, 6 de outubro de 2013

Going out

A agenda é apertada. As tarefas são imensas. A omnipresença não é uma possibilidade e o tempo escasseia. Quando se metem mulheres pelo meio, algumas prioridades se alteram em prol de outras...

Por outras palavras, em oposição ao que habitualmente acontece, passei todo o dia de ontem sozinho. Além dos afazeres habituais dos rapazes, houve mulheres à mistura durante a noite, de modo que deambulei pelas ruas usufruindo apenas da minha própria companhia.

Com ou sem acompanhantes, não me fecho em casa. Saio e entrego-me à noite, observando em silêncio e profunda reflexão tudo aquilo que vejo. O sabor de um amargo café e o aroma de uma cigarrilha são as minhas predilectas sensações.

Entre inúmeras vozes estou rodeado de silêncio. Não falo, não ouço, observo.

Cada vez mais me repugnam alguns comportamentos perpetuados por indivíduos presentes na nossa sociedade.


Fox

20 comentários:

  1. E faz muito bem.
    O que eu penso é se não sairmos nunca descobriremos quem se encontra na nossa cidade.
    No meu caso, saio todos os dias para dar um giro, quer sozinha ou acompanhada. Mas muitas das vezes sozinha (nem que seja gastar pneus do carro) e vou dar um passeio à beira mar. Às vezes até dá mais gozo, observo o resto das pessoas e dá para rir um pouco às vezes (sem dar grande estrondo como por vezes pode acontecer quando estamos em grupo).
    Às vezes até me aborrece sair em grupo (pode estar a ser trenga em dizer isto, mas é verdade). Vamos sair um grupo e quais são as primeiras coisas que as pessoas fazem? Por nas redes sociais "in .... com ...."! Ou entao começam a mostrar cenas no telemovel uns dos outros. Não acho piada nenhuma. Por isso é que muitas vezes saio sozinha, dou a minha volta, observo as gentes que se encontram lá e relaxo um pouco. Por vezes no nosso silencio descobrimos coisas bastante interessantes. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não me agrada muito pois aprecio uma boa conversa mas lá teve de ser. Ficar em casa é que não.
      Tens razão, as novas tecnologias estão a dominar o humano e já não sabem quando se devem separar delas.

      Eliminar
    2. A mim também não me agrada muito, mas por vezes precisamos destes momentos sozinhos. E aprecio claro uma bela conversa com debate de assuntos atuais e do nosso quotidiano. Acho que é uma das formas de aprendermos conversando com pessoas com quem se consiga ter uns bons dedos de conversa e passar uma tarde ou noite a falar sem dar o tempo a passar.
      Só uma coisa dispensava nessa tua saída sozinho era a cigarrilha porque o café amargo sabe sempre bem ;)
      Bom resto de domingo e recarrega bem as energias para a semana! ;) Beijo

      Eliminar
    3. É difícil encontrar alguém interessante para uma boa conversa sobre tudo e nada, mas por vezes lá se encontra e aí as horas voam.

      Obrigado Ana, espero que também sigas o teu conselho. ;)

      Eliminar
    4. É muito dificil encontrar por aí alguém com quem se consiga ter uma bela conversa, mas estas trocas de ideias aqui por vezes dá para nos por a pensar sobre o assunto e às vezes são melhores do que uma conversa corriqueira que não se aprende muito.
      Não tens que agradecer, claro que vou seguir! ;)

      Eliminar
    5. Também é verdade, mas ainda assim nada como uma bela conversa olhos nos olhos. ;)

      Eliminar
    6. Sim está certo. Não há nada como olhar nos olhos e ver a sinceridade e ver o que eles, em silêncio, são capazes de nos transmitir. Pois para mim, por vezes um olhar vale muito mais que mil palavras, e as palavras podem ser ditas de uma maneira que o olhar desmente. ;)

      Eliminar
    7. E que belo é o olhar de uma mulher...

      Eliminar
    8. O olhar de uma mulher pode dizer muita coisa :) Para mim dar um belo olhar e um sorriso é muito mais gratificante e sincero, que muitas palavras.
      E por isso um olhar e sorriso de boa noite ;) :)

      Eliminar
    9. Pode mostrar todo um mundo!

      Obrigado Ana, boa noite. ;)

      Eliminar
  2. Admiro imenso a tua atitude Fox! Essa capacidade de deambular sozinho, dispensando a companhia de outras pessoas.
    Por vezes sabe bem estarmos sozinhos...eu faço-o, mas em casa. Não tenho a descontração necessária para sair sozinha.
    Se um dia me cruzar com um homem sozinho, bebendo café e a fumar uma cigarrilha....já sei! És tu! :-)

    Desejo-te uma boa semana!
    Ass. A curiosa (que quer saber o distrito onde vives) ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem sabe? Até posso ser mesmo. ;)
      Obrigado, para ti também "curiosa".

      Eliminar
  3. Faço isso muitas vezes :) Gosto muito de deambular pela invicta durante a noite, pois à noite esta cidade ainda é mais bonita (tenho sempre cuidado por onde me meto, claro, pois hoje em dia nunca se sabe).

    Apesar de gostar de conviver com os amigos, também gosto dos meus momentos sozinha para observar, pensar e refletir na vida! Às vezes com o simples observar reparamos em muita coisa e vemos o mundo de forma diferente :)

    Boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bela cidade essa para ser observada quando a noite toma conta da luz.
      Sim, a solidão é muito propicia ao pensamento e à reflexão. Mas ainda assim prefiro sempre uma boa conversa.

      Eliminar
  4. Já me disseram que sozinha nem sempre nem nunca. E acho que é isso mesmo tudo faz falta.
    Quando quiseres companhia coloca aqui as coordenadas, vais ver que não te vai faltar :))

    Bom início de semana ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As coordenadas? Está boa essa. Não sei se haveria interessadas...

      Eliminar
    2. Porque não haveria interessadas?
      Falo por mim, gosto de conversa olhos nos olhos e de companhia para um café... Só dispensava a cigarrilha ;)

      Eliminar
    3. Para o café não se precisa de companhia. Mas para a conversa sim... O café é mera desculpa para o processo de comunicação interpessoal.
      Todas parecem é querer dispensar a cigarrilha... ;)

      Eliminar
    4. Sim, eterno catalisador de conversas. ;)

      Eliminar