terça-feira, 14 de janeiro de 2014

The Office

Este novo conto surge de uma proposta da YellowB* feita no final do ano passado. Ela gostou de alguns dos meus contos que publiquei no blog, por isso pediu para desenvolvermos uma escrita em parceria. Tive muito gosto em fazê-lo, é sempre uma oportunidade muito interessante para criar algo divertido.

Optamos por desenvolver dois pontos de vista, evidenciados pelo uso do estilo em negrito tal como irão verificar. Todo o enredo foi do desígnio da YellowB*, eu apenas me deixei levar pelas circunstâncias que iam decorrendo.

Espero que gostem. 


Fox


Sento-me… Sento-me numa cadeira, ligeiramente almofadada, nesta pequena sala. Paredes levemente pintadas de verde, adornadas por pequenos quadros abstractos, fazem-me sentir um friozinho na barriga. Metade de mim diz-me para ir embora, outra diz-me para ficar, para encontrar soluções. A mente trabalha em altas rotações, misturando todos os temas que me vão surgindo. O que faço eu aqui?
- Srª Ana, pode entrar. – Ouço, após poucos minutos de espera.
                Sou eu. Levanto-me. Está diante de mim uma jovem secretária, olhando-me e sorrindo levemente. Deve ter visto o pavor que vai na minha cara, o que me consome. As minhas pernas mostram relutância em colaborar, os meus movimentos são lentos e cheios de sacrifício. Abre-se uma porta e neste momento sinto que não posso voltar atrás…
Abro a porta com diligência mas sem demonstrar exteriormente o empolgamento que sinto sempre que a tenho perto de mim. Esta mulher mexe-me com a mente e mais perigosamente com os instintos. Passa por mim como quem desliza, deixando um leve rasto de perfume que me aguça os sentidos. Inebria-me, mas são os olhos que encontram o meu derradeiro encanto. A minha perdição. O seu esbelto corpo.
Apresenta-se sempre com um requintado gosto por um estilo de indumentária moderna e bastante aprumada, favorecida pelas suas quase perfeitas medidas corporais. Por baixo da gabardine enverga um vestido cinzento justo e uns sapatos negros de tacão. O restante desta perfeição de imagem fica completo com a sua cor de pele morena. Fecho a porta suavemente enquanto ela se deita sobre o divã procurando em vão manter as pernas escondidas.

Fox + YellowB*

8 comentários:

  1. Agora queremos a continuação...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Virão a seu tempo, Francisca.
      Na próxima sexta já terão a segunda parte. ;)

      Já agora, que achaste?

      Eliminar
    2. O meu primeiro comentário é a resposta à tua pergunta ;) Bem redigido e a querer saber como termina....

      Eliminar
    3. Obrigado, Francisca.
      Vai acompanhando e depois dizes-me se te agradou. ;)

      Eliminar
  2. Desde já agradeço ao Fox por ter aceite o desafio prontamente. Gostei imenso do que resultou da nossa inspiração e trabalho conjunto.

    Espero que gostem, tal como nós gostamos do resultado final :)

    Boas leituras :)

    YellowB*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei muito da tua proposta. Espero que gostem do resultado.

      Eliminar
  3. Já li algumas publicações tuas mais antigas e gostei muito! Esta não foi excepção, visto que fiquei bastante curiosa sobre o desenrolar da história ;) Está, sem dúvida, muito cativante e bem escrita.

    Fico a aguardar a segunda parte. Parabéns aos dois!

    C.A.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, C.A..
      Vai-te mantendo atenta e partilhando a opinião. ;)

      Eliminar