segunda-feira, 31 de março de 2014

The Train V

Sofia anuiu ao seu pedido. Afinal de contas, teriam de ali permanecer durante as próximas horas, sendo que um bom café caia sempre bem.

A carruagem do bar trouxe um novo alento ao diálogo entre os dois desconhecidos. Sorrisos e olhares cúmplices acompanharam a cafeína do líquido que levavam aos lábios. A fotografia era uma paixão para ele e uma curiosidade para ela, por isso o tema orbitou nessa dimensão. Quando ele falava, a emoção das suas palavras tornava-se intensa e de algum modo, isso pareceu refletir-se na atenção que Sofia lhe dirigia. Por sua vez, a atenção que ele recebia aumentava a observação da face de Sofia. O seu perfil parecia esculpido em mármore, uma perfeição de traços para fotografar.

- Já alguma vez foste fotografada? - perguntou ele.

- Fotografada? Claro, todos nós já o fomos, numa ou outra situação. - respondeu ela com um sorriso nos lábios.

- Quero dizer, “realmente” fotografada… Um trabalho a pensar apenas em ti e nos teus traços faciais.

- Ah. Desse género não. – disse sofia corando.


- Tenho a impressão que seria um trabalho fabuloso. És deslumbrante, por isso o resultado não podia ser inferior a essa condição.


Fox + Ana Mar

Sem comentários:

Enviar um comentário