terça-feira, 19 de julho de 2016

Beast



Existem aqueles que o fazem de forma calma. Existem aqueles que o fazem de forma acelerada. Existem aqueles que o fazem de forma bruta. O gesto é o mesmo mas cada um tem a sua própria forma de se libertar sexualmente.

No meu caso, sinto-me cada vez mais animalesco. As marcas que deixo mostram bem a agressividade com que me comporto naqueles largos momentos.

Não sei se me devo sentir realizado ou receoso. Tem sido uma fase fabulosa de descoberta de mim mesmo e da minha verdadeira natureza, todavia, não sei o que poderá estar aqui escondido.

Depois de saborear estes momentos de frenesim, sinto-me dividido entre a satisfação e a culpa. Começo a ter receio de mim mesmo.


Fox

12 comentários:

  1. Fox...Estás mesmo a falar daquilo que eu estou a pensar que estás a falar?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que depende daquilo que penses que eu pensei quando escrevi a publicação... ;)

      Eliminar
    2. Uiii!!!
      E uma série de perguntas que me surgiram agora de rajada e eu, como boa menina que sou, não as posso fazer...
      Ah pois!

      Eliminar
    3. Estás à vontade, Mia. Não existe censura nem grande restrição ao pudor por estes lados. ;)

      Eliminar
    4. Não as posso fazer mesmo...é muito..pessoal.
      Bem que eu queria acredita (a curiosidade mata!).
      Mas deixa-me não concordar totalmente contigo num ponto. Tu disseste que: "Existem aqueles que o fazem de forma calma. Existem aqueles que o fazem de forma acelerada. Existem aqueles que o fazem de forma bruta.". Eu acho que de facto, existe quem consiga fazer de todas essas formas conforme convier na altura ;)
      E se calhar até é o teu caso...talvez não nesta fase da tua vida, mas acredito que sim que também consigas ;)

      Eliminar
    5. Pronto, pronto. ;)
      Talvez consigam mas a nossa natureza acaba sempre por nos puxar para o que nos é natural...

      Eliminar
  2. Escrito dessa forma, parece que descreves um psicopata, reparaste?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vá, não exageremos. Vou reformular a publicação então.

      Eliminar
    2. Ah, e apreciei o detalhe "...daqueles LARGOS momentos..." :)

      Eliminar
    3. Não gosto de sessões rápidas...

      Eliminar
  3. Eu sou exagerada por natureza! :P
    Mas fizeste bem ao reformular e introduzir o primeiro parágrafo, embora quem te leia assiduamente tenha percebido o contexto implícito de imediato...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a ver que sim.
      Desta forma ficou mais explícito, ainda que já o fosse bastante, de facto.

      Eliminar